Tag

capela santa maria

Browsing

Tshotsholoza (siga em frente), é um hino entre os africanos. Significa todos juntos em frente.

No dia 06 de março o Grupo Vozes de Angola trará essa cultura para o Brasil em um vibrante evento na Capela Santa Maria.

|⫸ Ingressos ⫷|

• Inteiro R$70
• Meio R$35

(com 1k de alimento direito a compra de meio ingresso)

↡ Link do ingresso ↡
https://www.sympla.com.br/tshotsholoza-siga-em-frente__736641

O Vozes de Angola é composto por jovens angolanos deficientes oculares e teve origem em 2001, em Curitiba, no Instituto Paranaense de Cegos, instituição que os acolheu até 2010. Na época o grupo era denominado Pequenos Cantores de Angola.

Refugiados da guerra civil que assolou seu país por mais de três décadas, vieram ao Brasil em busca de melhores condições de vida e, em 2015, depois de uma forte campanha junto à mídia, conseguiram visto permanente. Hoje, jovens adultos, alguns já concluíram curso superior (dois em Direito e um em Educação Física) e os demais estão concluindo em diversas áreas, como: Comunicação, Jornalismo e Pedagogia. Durante as apresentações musicais, sempre compartilham com o público sua história de vida e motivam aos presentes com seu talento e exemplo de superação.

No repertório eclético, costumam apresentar cantigas folclóricas em dialeto africano, música popular brasileira, gospel e composições autorais, cantadas à capela ou com o acompanhamento de teclado, violão e percussão.

O grupo já se apresentou em programas como Caldeirão do Huck, Programa do Ratinho e também em diversas organizações.

Venha ter esta experiência, e conhecer estes músicos, que são símbolos de perseverança, garra e força.

Parte do valor será doado ao Instituto Atitude na Cabeça.

Evento do Vozes de Angola produzido por Zoli (Eventos Exclusivos) by Cris Lissoni!

Tshotsholoza (SIGA EM FRENTE)

Zoli Eventos Exclusivos apresenta o primeiro show do grupo Vozes de Angola.

O Vozes de Angola é composto por jovens angolanos deficientes visuais e teve origem em 2001, em Curitiba, no Instituto Paranaense de Cegos, instituição que os acolheu até 2010.

No repertório eclético, costumam apresentar cantigas folclóricas em dialeto africano, música popular brasileira, gospel e composições autorais, cantadas à capela ou com o acompanhamento de teclado, violão e percussão.

Não fique de fora, mais informações e inscrições: www.sympla.com.br/tshotsholoza-siga-em-frente__736641

Serviço:

VOZES DE ANGOLA

Local: Capela SANTA MARIA

Rua Conselheiro Laurindo,  273 – Centro

Data: 20 de dezembro de 2019

Hor:  20 horas

Ingressos : 70 reais

Essa semana será dedicada ao Canto Coral na Capela Santa Maria. São palestras, oficinas, lançamento de CD e 40 coros fazendo concertos diários gratuitos até domingo (24/6). Promovida pelo Coro da Camerata Antiqua de Curitiba, com direção geral de Mara Campos, a 3ª Semana de Canto Coral Henrique de Curitiba começa na terça-feira (19/6), com intensa programação e homenageando o compositor convidado, Edmundo Villani-Côrtes.

A abertura acontece nessa terça-feira (19/6), às 20h, com a apresentação do Coro da Camerata Antiqua de Curitiba, Nosso Canto das Regionais Cajuru e Tatuquara, Illvminata, Coros infanto-juvenil do Projeto MusicaR das Regionais Boqueirão e Bairro Novo, Ottava Bassa e Vocal Brasileirão.

Por dia, a Semana conta com cerca de seis coros, unindo a música vocal de diversas vertentes na sede da Camerata Antiqua de Curitiba. “Fico muito feliz que o grupo, um símbolo da cidade de Curitiba, está sendo o anfitrião desses coros. É fantástica uma união com essa abrangência contar com um corpo de profissionais tão representativos”, afirma Janete Andrade, coordenadora de música da Fundação Cultural de Curitiba.

Para essa edição foi ampliado o número de grupos corais convidados e professores de oficinas. Mara Campos explica que o que se espera é fortalecer o diálogo com a comunidade. “O encontro dessa envergadura não é só uma vitrine, mas propõe discussão reflexões sobre o aspecto pedagógico e a formação do coralista através da prática de canto coral”, continua a diretora.

“Várias temáticas serão abrangidas. Não só as técnicas de ensaio, vocal e montagem de repertório, mas também será discutido o canto coral como um grande suporte, ferramenta importante para o cidadão ser inserido de uma forma expressiva e atuante na sociedade”, diz Mara.

Coros infantis
O diferencial esse ano é a programação especial para as crianças. Nas tardes do fim de semana, coros infantis e infanto-juvenis se apresentam com horários próprios, com a intenção de fomentar a troca entre os mais novos.

“O mais importante é que a criança se aproxime da música de uma maneira democrática, inclusiva e que ampliem cada vez mais seu conhecimento musical. Crianças assistirem crianças é uma experiência estimulante, porque eles vão poder também conhecer outros repertórios”, argumenta Ângela Sasse, coordenadora do Projeto MusicaR.

Destaques
São destaques ainda na programação uma palestra, no sábado (23/6) com o compositor homenageado, Edmundo Villani-Côrtes, com o tema Música Coral; e o lançamento do álbum Acordes Poéticos, do Coral Collegium Cantorum, na quarta-feira (20/6).

“É tanta coisa para comemorar”, ressalta ainda Janete. “Uma felicidade em ter a Mara Campos, uma das maestrinas mais emblemáticas do país, que entende tanto sobre o fazer artístico estar conduzindo essa produção. Temos que celebrar e aproveitar toda a programação gratuita que a cidade está nos fornecendo”, conclui Janete Andrade.

Serviço:

VEJA TODA A PROGRAMAÇÃO NO LINK 

III Semana de Canto Coral Henrique de Curitiba

Apresenta concertos didáticos, oficinas e palestras
Datas: 19 a 24 de Junho de 2018
Local: Capela Santa Maria Espaço Cultural (Conselheiro Laurindo, 273)

Participação de 40 Coros convidados nas modalidades infantil, juvenil e adulto
Homenagem ao compositor Edmundo Villani- Côrtes (MG, 1930)
Direção Artística: Mara Campos (SP)

CONCERTOS (Entrada franca)
19, 20, 21, 22 de junho às 20h
23 e 24 de junho às 14h e 18h30
Capela Santa Maria Espaço Cultural

LANÇAMENTO DO CD ACORDES POÉTICOS

Collegium Cantorum – Regência de Helma Haller (PR)
20 de junho, 19h
Capela Santa Maria Espaço Cultural

PALESTRA (Entrada franca) 

Edmundo Villani-Côrtes – Compositor
Tema: Uma conversa sobre a Música Coral 23 de junho, 16h30 ~18h
Capela Santa Maria Espaço Cultural

Da Colômbia para o palco da Capela Santa Maria, em Curitiba, a soprano Betty Garcés e o preparador vocal Alejandro Roca realizam workshop gratuito, voltado a cantores líricos, no dia 28 de agosto, das 16h às 18h. Para o dia 29, às 20h, está previsto um concerto com obras de diversos estilos e épocas. Os eventos são uma parceria entre a Embaixada da Colômbia em Brasília, a Fundação Cultural de Curitiba e o Instituto Curitiba de Arte e Cultura.

As inscrições para o workshop estão abertas até o dia 20 de agosto. Cantores líricos interessados em aprimorar sua técnica vocal e interpretação de repertório podem optar por assistir como ouvinte ou ser aluno ativo. Os interessados deverão enviar a ficha de inscrição para o seguinte e-mail: msquiba@fcc.curitiba.pr.gov.br. O retorno para a participação como aluno ativo será até o dia 24 de agosto, os demais participantes poderão assistir ao workshop como ouvintes.

Cantora lírica – Nascida em Buenaventura, perto da costa do Pacífico da Colômbia, Betty Garcés Bedoya tem uma bela carreira internacional como cantora lírica. Desde então, participou de masterclasses com cantores reconhecidos como Anja Harteros e Cheryl Studer e atualmente continua a estudar em Nova York, sob a direção do professor, pianista e preparador vocal Gerald Martin Moore, reconhecido por seu trabalho com grandes cantores como Renee Fleming, Joyce DiDonato e Sarah Connolly, entre outros.

Este ano estreará como soprano no Requiem de Verdi com a Orquestra Filarmônica de Bogotá e no papel principal da Zarzuela Cecilia Valdés, no Teatro Colón de Bogotá, com a Orquestra Sinfónica da Colômbia. Seus próximos recitais acontecerão em Hannover, Santiago do Chile e Paris, e na sua próxima turnê internacional com o pianista colombiana Alejandro Roca, visitará Curitiba, Cingapura, Vietnã e Tóquio.

Prestígio internacional – Alejandro Roca nasceu na Colômbia e vem desenvolvendo uma carreira como um dos mais reconhecidos pianistas acompanhantes, preparador vocal e regente de ópera de sua geração na América do Sul. Depois de receber o bacharelado em Piano no Conservatório Antônio Maria de Valência, mudou-se para Barcelona, ​​onde estudou no Conservatório Liceu e se especializou em repertório vocal com professores como Dalton Baldwin e Angel Soler. Também possui mestrado em regência orquestral pela Universidade Nacional da Colômbia.

Com mais de 10 anos de experiência em produções de ópera e zarzuela, seu repertório inclui mais de 40 óperas totalmente preparadas e colaborou com os maestros como Gustavo Dudamel, Rinaldo Alessandrini, Andres Orozco-Estrada, Hilary Griffiths, Patrick Fournillier, Rodolfo Fischer, Josep Caballé – Domenech entre muitos outros e com todos os importantes cantores de ópera colombianos como Martha Senn, Valeriano Lanchas, Juanita Lascarro e Betty Garces entre outros.

Atualmente é pianista e assistente de direção na Ópera da Colômbia, principal preparador vocal e diretor de workshop de ópera na Universidade Central, bem como pianista e assistente musical para as produções de ópera no Teatro Mayor Julio Mario Santodomingo e Teatro Colón em Bogotá.

 

Serviço:

Workshop com os músicos Betty Garcés e o preparador vocal Alejandro Roca

Local: Capela Santa Maria Espaço Cultural – Rua Conselheiro Laurindo, 273 – Centro

Inscrições até 20 de agosto de 2017, pelo e-mail msquiba@fcc.curitiba.pr.gov.br

Informações no telefone (41) 3321-2848.

alice rodrigues

 

Em concerto neste fim de semana, na Capela Santa Maria Espaço Cultural, a Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba comemora os 130 anos de nascimento do maestro Heitor Villa-Lobos e os 90 anos do pianista Osvaldo Lacerda. As apresentações têm a direção musical do spalla Winston Ramalho e acontecem na sexta-feira (11), às 20h, e sábado (12), às 18h30.

“São dois compositores brasileiros que não poderiam passar pela temporada 2017 da Orquestra sem receber destaque”, ressalta Winston Ramalho. “A gente tem o dever de sempre lembrar os grandes músicos do nosso país, fazer com que eles não caiam no esquecimento e reforçar a nossa identidade cultural”, afirmou o diretor musical.

Abre o programa a obra “Quarteto de cordas nº 1 Op. 50”, de Heitor Villa-Lobos (1887-1959). O maestro e compositor é o maior expoente da música erudita no Brasil. Suas peças são executadas no circuito dos mais prestigiados teatros europeus e americanos. Durante sua vida, criou cerca de mil obras entre cirandas, choros, sinfonias, música de câmara, óperas e outros gêneros musicais. Em tudo o que compôs imprimiu uma marca de brasilidade.

De Osvaldo Lacerda (1927-2011) será executada a obra “Quatro peças modais para orquestra de cordas”. Lacerda é o compositor contemporâneo brasileiro que tem o maior percentual de sua obra dedicado à canção de câmara. Preocupa-se em explorar o caráter nacionalista, perpetuando em música as variações das diversas manifestações folclóricas e religiosas, além de contos populares e textos de poetas nacionais.

 

Serviço:
Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba
A música de Villa-Lobos e Osvaldo Lacerda
Direção musical Winston Ramalho
Local: Capela Santa Maria Espaço Cultural (R. Conselheiro Laurindo, 273)
Datas e horários: 11 e 12 de agosto de 2017, sexta-feira às 20h e sábado às 18h30
Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada)

Ottava Bassa (coro masculino)

Acontece entre os dias 21 a 25 de junho, a 1ª Semana de Canto Coral realizada pelo Coro da Camerata Antiqua de Curitiba com mais de 20 corais da cidade. Na programação do evento estão concertos diários, cursos de aperfeiçoamento e mesas de discussão tem a direção artística da regente titular do grupo, Mara Campos. Os concertos acontecem na Capela Santa Maria às 20h, durante as noites do evento e reúne cerca de 600 coralistas com todos os coros participantes. A entrada custa R$10.

A primeira edição do ciclo musical será em homenagem ao compositor curitibano Henrique de Curitiba Morozowicz (1934-2008), e serão apresentadas nos concertos pelos coros ao menos uma obra do compositor. “O Henrique é referência coral no Brasil e no mundo, e tem esse nome não apenas por ser da cidade, mas porque representava Curitiba nas características das suas composições e no seu modo de ser. Isso tudo, e o carinho que temos por suas obras fez dele o homenageado”, afirma Mara Campos.

O concerto de abertura acontece na terça-feira (21) com o Coro da Camerata Antiqua de Curitiba e os coros do Projeto Nosso Canto. No encerramento, sábado (25) às 18h30, todos os coros se unem para cantar ‘Oração pela Paz’ de Henrique de Curitiba. Para Mara, “essa música é atual que cantar uma obra que pede pela paz, nesse momento tão delicado em que vivemos”. Destaque ainda para o concerto do Coro do Rio Grande do Sul, Madrigal Presto, na sexta-feira (25).

Outras programações
Nas tardes da 1ª Semana de Canto Coral acontecem as oficinas para regentes e educadores musicais. As convidadas da primeira edição são Lúcia Passos (Rio Grande do Sul) ministrando o curso de preparação vocal, regência coral pela Mara Campos e Dulce Leandro Primo (Paraná) de didática e prática de coral infantil.

Serviço:
I SEMANA DE CANTO CORAL – 21 a 25 de Junho de 2016
Capela Santa Maria – Espaço Cultural (Rua Conselheiro Laurindo, 273)
Saiba mais sobre os grupos no link: http://icac.org.br/blog/programacao-da-1a-semana-de-canto-coral-da-camerata-antiqua-de-curitiba/

PROGRAMAÇÃO DOS CONCERTOS

Dia 21 – Terça-feira – 20h
CORO DA CAMERATA ANTIQUA DE CURITIBA – Mara Campos, regente
COROS DO PROJETO NOSSO CANTO – Alexandre Mousquer, Eli Siliprandi, Fernando Klemann, Maico Sant' Anna e Sidney Gomes, regentes

Dia 22 – Quarta-feira – 20h
CORAL CURUMIM – Joyce Todeschini, regente
CORAL DO PROJETO MÚSICA NOS BAIRROS – Renate Weiland, regente
COLLEGIUM CANTORUM (coro feminino) – Hema Haller, regente
OTTAVA BASSA (coro masculino) – Alexandre Mousquer, regente

Dia 23 – Quinta-feira – 20h
PROJETO NOSSO CANTO – Coros das Regionais Santa Felicidade e Pinheirinho – Fernando Klemann e Sidney Gomes, regentes
CORO GATO NA TUBA – Ana Cristina Lago, regente
CORAL HARMONIA – Cornelis Kool, regente
CORO COMPROMISSO ADORAÇÃO – Samuel Barros, regente
CORO DA UNIVERSIDADE POSITIVO – Martinho Lutero Klemann, regente

Dia 24 – Sexta-feira – 20h
CORAL NOSSA SENHORA DO CARMO – Eli Siliprandi, regente
ILLVMINATA – Daniele Oliveira, direção musical
PAPO CORAL – Cristiane Alexandre, regente
CORAL DA UTFPR – Priscilla Battini Prueter, regente
MADRIGAL PRESTO (RS) – João Paulo Sefrin, regente

Dia 25 – Sábado – 18h30
PROJETO NOSSO CANTO – Coros das Regionais Cajuru e Boa Vista – Maico Sant' Anna e Alexandre Mousquer, regentes
CANARINHOS DE CAMPO LARGO – Théo de Petrus, regente
MADRIGAL VOCALE – Bruno Spadoni, regente
MADRIGAL PRESTO (RS) – João Paulo Sefrin, regente

CORO DA CAMERATA ANTIQUA DE CURITIBA – Mara Campos, regente.
COROS participantes da I SEMANA DE CANTO CORAL – homenagem ao compositor Henrique de Curitiba com a apresentação da obra "Oração pela Paz".