Cinemaskope

FESTIVAL DE NOTÍCIAS – Boletim do Festival de Curitiba – Sétimo dia de festival

30 de março de 2015
AMANHÃ NO SOLAR NO PALCO
Amanhã (31) os jornalista conversarão com o ator revelação curitibano Gabriel Manita e o diretor Gustavo Gaspartini, do premiadíssimo musical Samba Futebol Clube, presenta na Mostra. Holcombe Waller é o convidado internacional. Ele traz ao Festival de Curitiba a sua performance Surfacing. O Solar no Palco é o encontro entre companhias participantes do Festival de Curitiba e imprensa, que acontece diariamente no Solar do Rosário, acompanhado de um gostoso brunch, exceto aos domingos. A diretora Fran Teixeira, de Diga Que Está de Acordo – Máquinafatzer, e Elisa Ohtake, diretora de Let's Kiss and Say Goodbye, também são convidadas imperdíveis deste encontro.
 
CRIADOR E CRIATURAS 
“OE”, que faz sua estreia nacional hoje (30) no Festival de Teatro de Curitiba, é a primeira parceria entre o ator Eduardo Okamoto e o diretor teatral Marcio Aurélio. Okamoto foi aluno de Aurélio e aguardava o momento para trabalhar com o mestre.   “Hoje ele é professor, eu me aposentei e ele é quem segue a linha que deixei como marca na Unicamp”, comenta o diretor. Aurélio conta também que funcionou bem a parceria com o dramaturgo, Cássio Pires. Duas conversas foram suficientes para dar forma ao projeto. “Está tudo coeso e isso é resultado de um processo  muito dinâmico. Ao final, ficou tudo focado em 'sua menor grandeza’”, observa Aurélio, acrescentando que os ensaios foram feitos na sala de sua casa. Pires, por sua vez, conta que quando começou no teatro, Aurélio foi um diretor que o estimulou  a seguir. “ Estar agora trabalhando com ele é uma honra.  Em cena, é tudo absolutamente simples e preciso, um  verdadeiro poema cênico”. 
REFLEXOS DA DITADURA EM PEÇA EXPERIMENTAL
Com duas apresentações hoje a noite no Teatro José Maria Santos, a peça “Câmera Escura” reestreia na mostra Sesi Dramaturgia, que faz parte da programação do Fringe. “Fizemos uma apresentação no Festival de Curitiba de 2014, e o público nos recebeu muito bem. A Súbita Companhia faz parte do Fringe desde 2009, dá pra dizer que somos veteranos já (risos)! Na peça, que é experimental, abordamos os reflexos da ditadura, em texto dos paulistas Marcos Gomes e Carla Kinzo”, conta a atriz Janaína Matter, que integra o elenco ao lado de Cleydson Nascimento, Helena Portela e Val Salles. A direção é de Maíra Lour.
 
DESALINHO GANHA MAIS UM PRÊMIO
Desalinho, que estréia neste segunda no Festival de Curitiba, garfou mais um prêmio. Desta vez foi o APTR de melhor autora, entregue na última terça-feira. O espetáculo esteve em cartaz em dias alternativos no Rio de Janeiro, porque parte do elenco também estava no espetáculo Incêndios, de Aderbal Freire Filho, ao lado de Marieta Severo.
 
 
 
 
20150305175601
 
Com dez artistas selecionados pelo curador André Coelho. Todos eles participam do coletivo “Croquis Urbanos”
 
CROQUIS URBANOS EM MOSTRA
Dez artistas do coletivo Croquis Urbanos, que reúne gravuras sobre pontos turísticos e culturais de Curitiba, participam da mostra experimental “Olhos Atentos Sobre a Cidade”, que ocupa o Ave Lola Espaço de Criação durante o 24° Festival de Curitiba. Entrada franca.
 
 
DICA DO CURADOR CELSO CURI
Celso Curi: Holcombe Waller é um artista completo: excelente compositor, bom cantor, ótimo ator. E neste espetáculo ele discute o universo em que vive de uma maneira surpreendente, emocionante, linda e simples”
 
ESGOTADOS 
Risorama:  31/03 (as duas sessões)
Mostra: Selfie (as duas sessões); Desalinho  – 31/03; Numax – Os dois dias
 
QUASE ESGOTANDO
Mostra: Desalinho – 30/03, Nômades, Beije Minha Lápide
 

Você pode gostar também