Cinemaskope

Concerto da Orquestra de Câmara encerra programação do Mia Cara Curitiba

28 de Maio de 2014

Neste domingo (1º), uma apresentação da Orquestra de Câmara de Curitiba, na Capela Santa Maria Espaço Cultural, encerra o festival Mia Cara Curitiba, que desde o dia 24 de maio celebra a cultura italiana na capital paranaense, numa iniciativa da Embaixada da Itália no Brasil e do Consulado Geral da Itália em Curitiba. O concerto, às 18h30, terá como regente e piano solo Carlo Alberto Neri, um dos grandes intérpretes de música clássica na Itália. O ingresso é gratuito, mas o Mia Cara Curitiba está apoiando o Programa do Voluntariado Paranaense (Provopar), arrecadando doações de alimentos não perecíveis. Dessa forma, aqueles que quiserem contribuir podem entregar os donativos na entrada do espetáculo.  

O concerto será precedido por palestra, às 17h45, do compositor e arranjador paranaense Marco Aurélio Koentopp, mestre em Música pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e professor do Curso de Composição e Regência da Escola de Música e Belas Artes do Paraná (Embap). Os comentários proferidos por especialistas em música, antes das apresentações da Camerata Antiqua de Curitiba e seus grupos, Coro e Orquestra, permitem que o público tenha uma melhor apreciação do repertório.  

 

O espetáculo – A apresentação do maestro, compositor e pianista Carlo Alberto Neri, junto à Orquestra de Câmara de Curitiba, é uma atração musical imperdível. Nascido em 1950 e com uma carreira iniciada em meados dos anos 1970, Neri alcançou reconhecimento profissional muito cedo, lecionando no Conservatório de Bologna e Cesena (Itália), em 1980, e recebendo uma Cátedra Honoris Causa em Nova Iorque (EUA), em 1987. Desde então, apresentou-se em festivais pelos Estados Unidos, Japão, América do Sul e Europa.

Envolvido com educação, compôs mais de uma centena de músicas para ensino, e tem atuado como produtor musical em diversos espetáculos, apoiando as novas gerações de artistas. Neri trabalhou com grandes nomes da música italiana, como os músicos Fabbriciani Michelucci e Roberto Fabbriciani e o ator Uberto Kovacevich. Também lançou obras por gravadoras de renome, entre elas RCA, Charleston e Xerces, com seus trabalhos de música de câmara e obras sinfônicas.

Desde 2004, Neri é o principal regente da Orquestra de Câmara Serenade de Salzburg (Áustria). Em 2008, sua composição “Touring Club, onde ir de férias…” recebeu o Prêmio Especial de Viena Koss Musikalischer, pelo trabalho original e inovador. Criou obras para diversas construções musicais, incluindo interpretações em violino, piano, violão e instrumentos de sopro, confirmando sua versatilidade.

Para o repertório do concerto na Capela Santa Maria, Neri selecionou trabalhos autorais e interpretações de clássicos. Estão no programa as obras “Ciaccona em Sol menor para violino e orquestra de cordas”, de Tomaso Antonio Vitali (1663 –1745); “Concerto nº 3 em Dó Maior para piano e orquestra”, de Tommaso Giordani (1730 – 1806); “Adagio e Rondo para piano e orquestra”, de Ludwig van Beethoven (1770 – 1827), com arranjo de Carlo Alberto Neri (1950); Fantasia “Cinema Cinema” para piano solo, com trabalhos de Giovanni "Nino" Rota (1911 –1979) e Enio Morricone (1928); “Weekend in New York para piano e orquestra”, de Carlo  Alberto Neri (1950); e “Concerto de Warsovia para piano e orquestra”, de Richard Addinsell (1904 – 1977), com arranjo de Carlo  Alberto Neri (1950).

 

Serviço:

Concerto da Orquestra de Câmara de Curitiba, com regência e piano solo a cargo de Carlo Alberto Neri, no encerramento do festival Mia Cara Curitiba, iniciativa da Embaixada da Itália no Brasil e do Consulado Geral da Itália em Curitiba.

Data e horário: dia 1º de junho de 2014 (domingo), às 18h30, precedido por palestra do compositor e arranjador paranaense Marco Aurélio Koentopp, às 17h45.

 Local: Capela Santa Maria Espaço Cultural (Rua Conselheiro Laurindo, 273 – Centro).

Ingresso gratuito (os interessados em contribuir com o Programa do Voluntariado Paranaense – Provopar podem doar alimentos não perecíveis, na entrada do espetáculo). 

Você pode gostar também