Cinemaskope

Após 44 anos, prova das 500 Milhas de Motovelocidade deixa São Paulo pela primeira vez e será disputada em Curitiba (PR)

17 de fevereiro de 2015

motovelocidade - 500 milhas

A prova das 500 Milhas de Motovelocidade está de casa nova. A tradicional prova brasileira de endurance, realizada anualmente em São Paulo desde 1970, muda pela primeira vez em sua história para o Paraná.

18ª edição será nos dias 27, 28 de fevereiro e 1º de março de 2015, no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais (PR).



“Antes de decidirmos o novo local, fizemos um levantamento completo em outros autódromos pelo Brasil. Curitiba tem ótima infraestrutura, comodidade de transporte para os pilotos e equipes, além da ótima qualidade da própria pista. Com essa mudança, queremos abrir novos horizontes e expandir ainda mais o motociclismo nacional”, explica Terlange Souza, organizador do evento.



Reconhecida internacionalmente, a competição é considerada a prova de gala do motociclismo brasileiro e é um verdadeiro desafio para as montadoras e participantes, que precisam resistir a quase seis horas de intensa disputa.



“A nossa meta é surpreender cada vez mais. Queremos fazer um evento para que todos saiam satisfeitos e ansiosos por uma próxima oportunidade, assim como foi em 2014. Será uma prova inesquecível”, garante Souza.



Outra novidade é a criação de mais uma categoria. A organização promove no próximo ano as 100 milhas, exclusivas para motos de 250 e 300cc e com equipes de no máximo de dois pilotos.





O Autódromo

 

Novo palco das 500 Milhas, o Autódromo Internacional de Curitiba possui 3.695 metros de extensão e é considerado um dos melhores do país, atendendo a todos os padrões das federações internacionais, como segurança, funcionalidade e qualidade. Tanto para os pilotos e equipes, quanto para a imprensa e público.



Além disso, Curitiba (PR) é uma cidade de grande porte, preparada para sediar um evento dessa magnitude. O Aeroporto Internacional Afonso Pena garante que todos cheguem ao local com facilidade.

Você pode gostar também