Cinemaskope

André Bertoluci e Martha Coelho assinam o Living da Casa Cor Paraná 2015

10 de junho de 2015

Martha Coelho e Andre Bertoluci 3

Utilizando recursos modernos e cheios de conforto, o espaço de aproximadamente 38 m² aposta na linearidade e prioriza o uso de cores claras.

 

 

 Projetos “clean” e que priorizam o conforto, a funcionalidade, alinhados com tecnologia e modernidade, já são marcas da dupla André Bertoluci e Martha Coelho, que pelo segundo ano consecutivo assinam juntos um espaço na Casa Cor Paraná, que ocorre de 23 de junho a 09 de agosto.

Com o objetivo de receber familiares e amigos de forma intimista, os arquitetos apresentam o “Living”, que contempla um estilo decorativo que harmoniza os pequenos detalhes clássicos com o moderno. O projeto de Bertoluci e Martha explora as composições, como o revestimento em MDF amadeirado na cor Carvalho Treviso da marca Berneck, com o papel de parede off white com desenho geométrico da marca Orlean.

A ausência de cores nos móveis soltos, como as duas chaises longue e o sofá brancos, evidenciam os objetos de decoração e as obras de arte. Destaque para a poltrona Rigel trançada em fibra natural, da Artefacto, assim como a estante criada e desenhada pelos arquitetos, especialmente para a mostra.

Com muito equilíbrio, o contraste de materiais também chamam a atenção, como o mármore da Gramarcal na cor Cafe Latte utilizado junto com a lareira da Artfire, o piso vinílico Durafloor na cor Piseli, os pilares em mdf, texturas e papel de parede, além de um espelho apoiado da Artefacto. “Os tons claros nos diferentes materiais, além de darem amplitude ao ambiente, também criam uma atmosfera requintada, uma vez que a ideia é que o cliente receba seus convidados no espaço”, explica André Bertoluci.

Neste projeto do Living os olhares são atraídos também pelas esculturas da artista Marilene Ropelato, que se integram completamente aos outros elementos, passando modernidade, movimento e identidade, como também a tela do renomado artista plástico José Gonçalves,  ambos da Galeria Zilda Fraletti, colocada sob a estante, que se evidencia com o efeito de iluminação com fita de led do móvel. "As peças proporcionam uma atmosfera de transformação e , subjetivamente, demonstram a essência do nosso projeto para a mostra: requinte, inovação e aconchego”, comenta Martha Coelho.

Para completar o clima intimista e aconchegante, a lareira, discreta, utiliza recurso ecológico de álcool, ideal para recepções em dias de climas mais frios, o que combina perfeitamente com Curitiba. Nas cortinas, tecido especial Orlean, emolduradas com cortineiro em madeira que integra com os outros pontos que já foram utilizados os painéis amadeirados. O tapete será em nylon da marca Tabriz.

O sistema de automação é um capitulo à parte, o telão com projetor na lareira, as caixas de som embutidas no forro, inclusive o “subwoofer” – uma das novidades na mostra –, e a iluminação em LED (podendo criar cenários) dimerizada, não esquentam e economizam energia.

“Buscamos nesta edição apresentar algo, além de funcional, totalmente aconchegante. Cada detalhe, cada cor e mobiliário foram escolhidos para que o cliente tenha no living seu cômodo de lazer, descanso e principalmente descontração, sem perder o charme e o requinte de receber bem”, finalizam André Bertoluci e Martha Coelho.

Você pode gostar também